® 2021 Rede Moinho 24 • Notícias de Pouso Alegre e região •

Esporte

Pré-jogo: brigando na ponta da tabela, Pousão enfrenta o Patrocisense fora de casa

Publicado

no dia

Pousão encara Patrocinense fora de casa na luta para seguir brigando pelo G4 | Foto: Ascom/PAFC

Na briga para se manter no topo da tabela e seguir sonhando com a classificação para a próxima fase do Mineiro, o Pouso Alegre F.C. vai enfrentar o Patrocinense às 15h30 deste domingo, 11. A partida é válida pela 9ª rodada da competição.

Em sexto na classificação, com 11 pontos, o Pousão pode até terminar a rodada de volta ao G4, a depender da combinação de resultados. Para tanto precisa superar o 10º colocado, à beira da zona de rebaixamento. Mas, nem por isso, o treinador Emerson Ávila considera que será um jogo fácil, pelo contrário.

“São jogos dificílimos, a equipe fisicamente está muito bem preparada, temos que parabenizar nosso preparador físico. Os jogos encavalaram muito com a pequena parada [devido à onda roxa]. Agora temos outra pedreira pela frente fora de casa”, diz se referindo ao jogo deste domingo.

Para não precisar viajar 562 quilômetros de Pouso Alegre a Patrocínio, o Pousão permaneceu em Belo Horizonte após a derrota por 1 a 0 para o Atlético Mineiro. Ávila preparou a equipe para o confronto de hoje no Centro de Treinamentos do Cruzeiro.

Matheus Sousa desfalca equipe após levar terceiro amarelo

A equipe não terá contra o Patrocinense a presença do atacante Matheus Sousa, um dos artilheiros do Pousão com dois gols. Ele foi suspenso após levar o terceiro amarelo contra o Galo. Em seu lugar, Andrey, que vinha atuando como meia de armação, deve completar a linha ofensiva do Dragão.

Emerson Ávila inicia o jogo com: Cairo; Lucas Rodrigues, Guilherme Paraíba, Lucas Rocha e Elivélton Foguinho; Leandro Salino, Arilson, Roldan e Erick; Andrey e Paulo Henrique.

Retrospecto

Pouso Alegre e Patrocinense já se enfrentaram quatro vezes na história. O time do Alto Parnaíba tem ampla vantagem. O Dragão só conseguiu vencer uma vez em quatro confrontos.

1988 – Segunda Divisão – Pouso Alegre 1 x 0 Patrocinense (Gol de Carlão)
1988 – Segunda Divisão – Patrocinense 1 x 0 Pouso Alegre
1995 – Módulo II – Patrocinense 5 x 0 Pouso Alegre
1995 – Módulo II – Pouso Alegre 0 x 5 Patrocinense

Esporte

Pousão vence a URT nos pênaltis e é campeão do Troféu Inconfidência

Publicado

no dia

Foto: Chiarini Jr.

O Pouso Alegre venceu a URT nos pênaltis, na noite desta quarta-feira, 05, em Patos de Minas, e conquistou o Troféu Inconfidência, o terceiro título da equipe em três anos.

Depois de um empate sem gols no estádio Zama Maciel, a decisão do torneio foi para os pênaltis e o Pousão superou a equipe de Patos de Minas por 4 a 2.

Converteram suas cobranças para o Pouso Alegre, Arilson, Johnny, Pedrinho e Lucas Silva. Do lado da URT, Mateus e Diogo fizeram, enquanto João Paulo e Romário desperdiçaram. O Dragão nem precisou cobrar o quinto pênalti.

O jogo

O Pousão dominou a maior parte do confronto, mantendo a posse de bola e controlando o ritmo da partida.

Apesar disso, sofreu com a falta de referência no ataque, tendo muita dificuldade para concluir as jogadas ofensivas.

No primeiro tempo, as melhores oportunidades do time saíram dos pés do meia Erick, em dois chutes de fora da área que passaram próximos à trave esquerda do goleiro Renan.

No segundo tempo, o Pousão consolidou seu domínio em campo, com o capitão Leandro Salino organizando a saída de bola e fazendo as jogadas chegarem aos pés de Erick para armação dos lances ofensivos. A posse de bola, porém, não se traduzia em gols.

Na melhor chance da etapa final, Salino recebeu bola enfiada entre a zaga dentro da área e conseguiu boa finalização, mas parou em boa defesa de Renan.

Chance de vaga na Copa do Brasil e vaga garantida na Série D

O Pousão já tem garantida sua participação na Série D do Brasileirão no ano que vem. Agora, com o título do Troféu Inconfidência fica na expectativa de uma vaga na Copa do Brasil, o que pode acontecer se uma das equipes mineiras que já têm vaga no torneio, conquistar vaga na Libertadores, o que abriria uma quinta vaga para o estado.

A conquista também garante o Pousão no jogo contra o Tombense, em 2022. O confronto é válido pela Recopa, uma espécie de tira-teima entre o melhor classificado do interior no Campeonato Mineiro e o ganhador do Troféu Inconfidência.

Veja imagens da final:

Continuar lendo

Esporte

Pousão encara a URT em busca do título do Troféu Inconfidência

Publicado

no dia

Dragão tenta terceiro título após seu retorno ao futebol profissional | Foto: Divulgação/PAFC

O Pousão entra em campo daqui a pouco na luta por mais um título. Ele encara a URT, em Patos de Minas, no estádio Zama Maciel, pela final do Troféu Inconfidência. A bola rola a partir das 19h com transmissão ao vivo pelo site da Federação Mineira de Futebol.

Naquela que já é a fase mais vitoriosa de sua história, o Dragão tenta a conquista de seu terceiro título em três anos. Em 2019, venceu a Segundona do Mineiro e, em 2020, o Módulo II. É bom lembrar  que a classificação na primeira fase do Mineiro já valeu ao time uma vaga na Série D do Brasileirão e calendário cheio na temporada de 2022.

Para trazer a taça para Pouso Alegre, o Dragão precisa de uma vitória simples. O empate leva a decisão para os pênaltis. Foi nos pênaltis, aliás, que as duas equipes se classificaram para a final.

O Pousão passou pela Caldense, no Manduzão, depois de um empate sem gols. Já a URT superou o Athletic, após um empate em 1 a 1 no tempo normal.

A equipe de Pato de Minas joga em casa por ter feito melhor campanha que o Pousão na primeira fase do Campeonato Mineiro. Ela ficou em 5º, o Dragão em 6º. O torneio até poderia ser decidido em jogos de ida e volta, mas as equipes optaram por jogo único por conta da pandemia.

O Troféu Inconfidência

O Troféu Inconfidência foi criado em 2020 pela Federação Mineira de Futebol, a fim de ampliar o calendário de jogos das equipes do interior. Ele é disputado entre os times que chegam entre a 5ª e 8ª colocação.

O torneio ainda pode render uma classificação para a Copa do Brasil caso Minas tenha direito a uma vaga extra na competição nacional.

Foguinho e Paulo Henrique ficam fora

O Pousão terá dois grandes desfalques para a final desta quarta-feira: o lateral Foguinho e o centroavante Paulo Henrique, ambos machucados. Seus substitutos serão o lateral Charles e o atacante Johnny.

Como joga o Dragão: 1. Cairo; 2. Nando; 3. Robson; 4. Guilherme Paraíba; 5. Leandro Salino (capitão); 6. Charles; 7. Roldan; 8. Arilson; 9. johnny; 10. Erick; 11. Lucas Silva.

Foto: Divulgação/PAFC

Continuar lendo

Esporte

Prata da casa, Lucas Silva decide nos pênaltis e vira curinga no Pousão após desfalques

Publicado

no dia

O pouso-alegrense Lucas Silva foi decisivo na vitória do Dragão sobre a Caldense na tarde deste sábado. Ele cobrou e converteu a sexta cobrança de pênalti, que sacramentou a vitória da equipe sobre a Veterana por 6 a 5.

Além de celebrar sua contribuição decisiva para a vitória, o jogador, que entrou no segundo tempo da partida, no lugar de Danilo Bala, espera servir de opção para o treinador Emerson Ávila na final contra a URT, na próxima quarta, 05, em Patos de Minas.

A seu favor, o atleta tem um trunfo importante. Com a equipe sofrendo com diversos desfalques, ele se tornou um jogador ‘curinga’, com condições para atuar em várias posições em campo.

Confira a entrevista que ele deu após a vitória sobre a Caldense:

 

Continuar lendo

Mais lidas