® 2021 Rede Moinho 24 • Notícias de Pouso Alegre e região •

Cotidiano

Moradores serão retirados de prédio que pegou fogo no Centro de Pouso Alegre

Publicado

no dia

Os moradores do prédio de quitinetes da Silviano Brandão, no Centro de Pouso Alegre, que pegou fogo três vezes em menos de 24 horas serão retirados do local. A informação foi repassada pelo Corpo de Bombeiros por meio de nota na noite desta terça-feira, 02.

De acordo com a corporação, após os incêndios recorrentes e a constatação de que o prédio não possuía AVCB, nem meios preventivos “contra incêndio e pânico para garantirem a evacuação segura”, a Coordenadoria Municipal de Proteção, a Defesa Civil de Pouso Alegre e o Serviço Social da Prefeitura foram acionados “com a finalidade de efetuarem a retirada e abrigo dos ocupantes da edificação”.

O Corpo de Bombeiros realizou uma vistoria de fiscalização no prédio nesta terça-feira, 02, depois de atender a três ocorrências diferentes de incêndio em um período de menos de 24 horas ao longo de segunda e terça-feira.

Três incêndios no mesmo prédio

O prédio da Rua Silviano Brandão pegou fogo três vezes em menos de 24 horas ao longo desta segunda e terça-feira, 02, na região central de Pouso Alegre. O edifício é um antigo hotel, que hoje abriga quitinetes de aluguel na Rua Silviano Brandão.

O primeiro incêndio ocorreu em uma quitinete no terceiro andar do prédio, no meio da tarde de ontem. Os bombeiros conseguiram conter as chamas utilizando cerca de 100 litros de água.

Já de madrugada, um novo foco de incêndio no prédio voltou a colocar a vida dos moradores em risco. Desta vez, as chamas tomaram conta de uma quitinete no segundo andar.

O morador do local não estava no momento em que o incêndio teve início. À imprensa ele disse que estava se preparando para se mudar do local.

Na tarde desta terça, um novo foco de incêndio no mesmo prédio voltou a mobilizar os bombeiros. Desde a primeira ocorrência, na tarde de segunda, os bombeiros alertaram para o fato de o prédio não possuir qualquer equipamento de proteção contra incêndios.

 

Confira a íntegra da nota do Corpo de Bombeiros:

Foi realizada vistoria de fiscalização na edificação localizada na Rua Silviano Brandão, nº 450, onde houve 03 (três) incêndios, a saber, nas datas: 01/08/2022 às 15:20h, 02/08/2022 às 03:50h e 02/08/2022 às 13:32h, sendo constatado que a edificação não possui AVCB, além de possuir risco à população, uma vez que não há meios preventivos contra incêndio e pânico para garantirem a evacuação segura.

Foram noticiados a Coordenadoria Municipal de Proteção e Defesa Civil de Pouso Alegre e o Serviço Social da Prefeitura Municipal, com a finalidade de efetuarem a retirada e abrigo dos ocupantes da edificação.

A Coordenadoria Municipal de Proteção e Defesa Civil encontra-se no local juntamente com representantes do Serviço Social da Prefeitura de Pouso Alegre e o responsável pela edificação realizando cadastro para posterior remoção dos ocupantes.

Ten Nogueira,
Cmt do Pelotão de Prevenção e Vistoria.

 

 


Não perca nada. Siga o R24 nas redes sociais:
Facebook | Youtube | Instagram | Grupo de WhatsApp | Telegram | Twitter

Cotidiano

Avenida em obras: acidente deixa duas pessoas feridas na Dique I

Publicado

no dia

Imagem: reprodução de redes sociais

Um veículo de passeio bateu na traseira de um caminhão na ponte que passa sobre a avenida Dique I, em Pouso Alegre. A via está em obras desde o início do ano. Ao menos duas pessoas foram socorridas pelo Samu com ferimentos leves.

O trecho onde ocorreu o acidente tem liberação intermitente para fluxo de veículos devido às obras. Ele é aberto às 17h e fechado às 7h. Foi por volta do horário de fechamento, na manhã de hoje, que ocorreu a colisão.

Quando o Samu se encaminhava para o local do acidente, o acesso já havia sido fechado. Foi preciso remover as barreiras para chegar até o local da colisão.

Um homem, que conduzia o veículo de passeio, e uma mulher, que seguia no banco do passageiro, foram socorridos com ferimentos leves e conscientes.


Não perca nada. Siga o R24 nas redes sociais:
Facebook | Youtube | Instagram | Grupo de WhatsApp | Telegram | Twitter

Continuar lendo

Cotidiano

Cidade de gelo: chuva de granizo deixa São Gonçalo do Sapucaí e Fernão Dias irreconhecíveis

Publicado

no dia

Uma forte chuva de granizo que caiu na tarde desta segunda-feira (03) em algumas cidades da região deixou trechos da Fernão Dias e cidades como São Gonçalo do Sapucaí cobertas de gelo.

Imagens impressionantes feitas por moradores e pessoas que transitavam pela rodovia mostram paisagens que lembram uma cidade após uma forte nevasca. O cenário, no entanto, resultou de uma tempestade de granizo que, em São Gonçalo do Sapucaí destelhou casas e prejudicou serviços básicos, como fornecimento de água e energia.

Ainda durante a tarde, o prefeito da cidade, Brian Drago (PSL) se reuniu com Polícia Militar e a Defesa Civil para criar uma sala de crise, a fim de fazer frente aos estragos provocados pela tempestade.


Não perca nada. Siga o R24 nas redes sociais:
Facebook | Youtube | Instagram | Grupo de WhatsApp | Telegram | Twitter

Continuar lendo

Cotidiano

Moradores reclamam que trecho da Dique I está sendo fechado antes das 7h

Publicado

no dia

Desde a última quinta-feira, 15, a prefeitura de Pouso Alegre anunciou a liberação do trecho da Avenida Dique 1, no sentido bairro, das 17h30 às 7h.

Mas diversos condutores entrarm em contato com o R24 para dizer que o horário não estaria sendo cumprido.

Foi o caso do professor Allysson Lima, que nestas terça e quarta-feira acabou chegando atrasado em seu trabalho por conta do fechamento antecipado da avenida.

“[São] 10 para as sete da manhã, a fila de carro… [eu] precisando ir trabalhar… O encarregado da obra não tá liberando a gente”, protesta o professor enquanto filma o interior de seu carro, frisando as horas marcadas no painel, e uma fila de carros parada no bloqueio.

O vídeo em questão é de terça-feira, 20. Nesta quarta-feira, 21, o professor voltou a ficar parado no bloqueio. O relógio de seu veículo marcava 6h55.

Obras e congestionamento

Desde que as avenidas Perimetral e Dique 1 foram parcialmente interditadas para obras, no início do ano, a ida e volta do trabalho virou motivo de aborrecimento para os pouso-alegrenses que precisam acessar a região.

Para chegar ao destino, é preciso enfrentar congestionamento e muita lentidão. Não tem jeito. Ou sai mais cedo ou vai chegar atrasado.

Para minimizar o problema, o prefeito Cel. Dimas (PSDB) anunciou na última semana, a abertura de um trecho da Dique 1, no sentido bairro, por tempo determinado, das 17h30 às 7h.

Mas os motoristas alegam que os horários não estariam sendo cumpridos. O R24 entrou em contato com a prefeitura, mas, até o fechamento deste texto a administração ainda não havia se posicionado. Tão logo ocorra, ele será incluído neste espaço.


Não perca nada. Siga o R24 nas redes sociais:
Facebook | Youtube | Instagram | Grupo de WhatsApp | Telegram | Twitter

Continuar lendo

Mais lidas